Como aumentar a inteligência emocional dos coachees com coaching

Para alcançar o sucesso em qualquer área da vida é preciso desenvolver diversas habilidades como determinação, motivação, resiliência, dinâmica, comunicação assertiva e, claro, inteligência emocional.

Ser inteligente emocionalmente significa saber identificar, interpretar e gerenciar suas emoções de forma a reduzir o estresse, melhorar relacionamentos, estabelecer empatia e resolver problemas.

Dispor dessas características é de grande valia em qualquer momento da vida e como ferramenta de mudança para qualquer objetivo. Por isso, trabalhar a inteligência emocional deve ser tarefa indispensável em um processo de coaching.

Neste artigo você conhecerá alguns aspectos fundamentais da inteligência emocional e como ela pode ser aprimorada pelo coach durante as suas sessões com os seus coachees.

Atributos da inteligência emocional

Para que haja uma otimização da inteligência emocional durante um processo de coaching, é importante que tanto o coach quanto o seu coachee entendam quais são os atributos principais que tornam o gerenciamento das emoções mais efetivo.

Podemos citar como atributos essenciais da inteligência emocional:

Autoconhecimento

É o reconhecer e interpretar corretamente seus pontos fortes e pontos fracos, suas relações com o aspecto emocional e também como essas características influenciam pessoas ou situações ou sofrem influências de fatores externos.

Autocontrole

O autocontrole é a capacidade de se manter estável ou de se adaptar em situações de flutuações emocionais e nas ocasiões de sentimentos intensos aflorados, como raiva, medo, surpresa e paixão.

Consciência social

É a qualidade de quem capta as emoções das outras pessoas e tem a sensibilidade para compreender as circunstâncias ao seu redor. Ter consciência social é também se sentir confortável e parte de um todo na sociedade.

Gestão de relacionamento

Gerenciar relações interpessoais é saber como se comunicar da melhor forma possível com cada pessoa e em cada situação diferente. Influenciar positivamente e interagir em relações benéficas para todos os envolvidos também faz parte da gestão de relacionamento.

Como aumentar a inteligência emocional do coachee

A inteligência emocional como um todo pode ser aprendida ou aprimorada por qualquer pessoa. Todos nós possuímos uma forte carga emocional produzida por experiências, pelo meio em que vivemos e também pela nossa personalidade. Podemos aprender a gerenciar essas emoções com ferramentas de coaching focadas no autoconhecimento e na resolução de problemas.

Durante o processo de coaching, o coach pode ajudar o seu cliente a olhar para si mesmo buscando elementos que o tornarão mais inteligente emocionalmente, facilitando a redução das angústias, do estresse, da ansiedade e dos conflitos intra e interpessoais.

Leia também:  Curso de coaching: como funciona e como fazer

O coach pode, também, criar ou adaptar ferramentas de coaching com foco na inteligência emocional do seu coachee, usando alguns aspectos como redução do estresse, despertar da consciência emocional, aprimoramento da comunicação e resolução de conflitos.

Reduzindo o estresse diário

Altos níveis de estresse sobrecarregam a mente e diminuem o discernimento e a tranquilidade para interpretar situações e resolver conflitos entre pessoas.

Para ajudar o coachee a combater o seu estresse diariamente, é preciso que sejam trabalhadas as seguintes questões:

  • Quais são as situações que mais fazem estressar?
  • Quais são suas as reações perante ao estresse?
  • Como o seu corpo reage no momento da situação estressante?
  • Quem deixa você estressado? Por quê?
  • Como você se sente mais relaxado?
  • O que pode fazer para reduzir o seu estresse diário?

Despertando a consciência emocional

Ter consciência total do estado emocional em que se encontra e quais são as suas consequências é fundamental para o gerenciamento da inteligência emocional.

Para que esse aspecto seja desenvolvido, é importante que o coach investigue junto com o seu coachee as seguintes questões:

  • Suas emoções mais fortes despertam suas memórias passadas?
  • Como você se sente emocionalmente no momento?
  • Seus sentimentos são estáveis ou se alternam com facilidade?
  • Você tem dificuldades em entender a si mesmo?
  • Você consegue controlar suas emoções ou elas controlam você?
  • Quais são as sensações físicas que suas emoções mais intensam provocam?

Aprimorando a comunicação verbal e não-verbal

A comunicação assertiva é fundamental na construção da inteligência emocional. É ela que favorece as relações interpessoais e ajuda a resolver conflitos e situações estressantes envolvendo pessoas.

Para identificar os pontos de melhoria do coachee, quanto à sua comunicação verbal e não-verbal, é essencial investigar os seguintes pontos:

  • Como você se comunica em situações de raiva ou provocação?
  • Quais são as suas habilidades de comunicação?
  • Como você se expressa ao gesticular?
  • Qual é a impressão que você passa para as outras pessoas ao falar com elas?
  • Você faz contato visual enquanto fala?
  • Você consegue compreender as mudanças de estado emocional nos outros enquanto se comunica?
  • Você sabe manter um tom de voz amigável em suas conversas?
  • O que você gostaria de melhorar na sua comunicação?
Leia também:  Master coach

Resolvendo conflitos

Conflitos e desentendimentos são frequentes em diversos ambientes. Mesmo que algumas pessoas possuam alto nível de sinergia, a possibilidade de um conflito é sempre considerável.

Para aumentar a inteligência emocional do coachee, é fundamental que ele tenha fluidez de raciocínio durante situações conflituosas e consiga encontrar soluções para resolver suas pendências.

Para isso, o coach pode discutir com o seu cliente as seguintes perguntas:

  • Em quais situações os conflitos mais acontecem na sua vida?
  • Com quais pessoas você costuma entrar em conflito?
  • O que você sente durante um atrito com alguém importante?
  • Você sente algum sentimento negativo depois de ouvir palavras desagradáveis?
  • Como você se sente depois de uma briga?
  • Como costuma resolver seus conflitos?
  • Você possui iniciativa para pedir perdão ou propor soluções efetivas?
  • Quais pontos da sua personalidade atrapalham nesses momentos conflituosos?
  • Quais qualidades você poderia usar melhor para que seus desentendimentos fossem menos desgastantes?

A inteligência emocional é composta por diversos aspectos e pode ir muito além dos exemplos mostrados nesse artigo. É interessante fazer um trabalho aprofundado de autoconhecimento com o coachee para entender quais são as particularidades das suas emoções e como elas se relacionam com o seu estado desejado.

Assine, não perca nenhum conteúdo:

SistemizeCoach
Siga-me

SistemizeCoach

Uma única plataforma para gerenciar todo o processo de coaching. Com a SistemizeCoach, você não precisará de Excel, Word e Outlook para gerenciar as suas sessões.

Crie ferramentas visuais, armazene o histórico de suas sessões e tangibilize o processo com relatórios completos para o seu coachee.

CONHEÇA A PLATAFORMA
SistemizeCoach
Siga-me