O coach iniciante precisa de um mentor?

Toda grande história de protagonismo contada no cinema envolve um mentor. O mentor é uma figura icônica segundo uma narrativa de storytelling, que é o conceito de contar histórias, então é uma figura com a qual já estamos indiretamente acostumados.

A jornada do jovem talentoso e indisciplinado que encontra um mestre que o guia pelas adversidades até o sucesso – você certamente pode se lembrar de dezenas de histórias assim.

Agora, quando vamos para o mundo dos negócios e do coaching, esta figura pode representar a mesma sensação de esperança de ter uma jornada guiada para o sucesso. Ainda assim o mentor de coaches ainda é uma figura envolvida em incertezas:

Ter um mentor em coaching realmente é essencial? Todo coach precisa de um mentor? Como escolher o seu mentor?

Vamos desvendar este assunto neste artigo, para você entender se realmente precisa de um mentor para ter sucesso na sua jornada profissional como coach.

Quem é o mentor na vida do coach?

Hoje nós percebemos um grande aumento no volume de coaches que estão sendo formados, e entrando no mercado com o objetivo de conseguir clientes e construir uma carreira como coach.

Quando falamos de formação, as escolas de coaching não se diferenciam das universidades: elas ministram graduações com ótimo conteúdo técnico, mas não preparam os profissionais para o lado empreendedor ou vendedor de sua carreira.

Neste quesito o coach é bastante parecido com o médico ou dentista que abre um consultório, mas não tem clientes, e muitas vezes passa meses sem clientes, podendo até mesmo falir antes de começar a atender. E por mais que isso possa soar óbvio ou intuitivo, não é uma realidade percebida pelo coach recém-formado.

E com isso nós temos uma massa de coaches que, ao mesmo tempo, estão nascendo na era da comunicação digital e marketing de conteúdo, e que acabam se vendo perdidos entre centenas de caminhos.

A figura do mentor neste cenário parece ser a salvação: uma pessoa que já tenha trilhado esta jornada, e atingido o sucesso como coach, e que hoje ensina e direciona outras pessoas a seguir os mesmos passos para conquistar o sucesso.

Parece um mundo perfeito – o único problema aqui está no mercado que vem se estabelecendo ao redor da figura do mentor de coaches.

Leia também:  O que fazer quando o seu cliente de coaching diz que o preço está caro?

São, em sua maioria, pessoas que prometem um caminho seguro para conquistar o sucesso na carreira de coach, vivendo com uma agenda cheia e exercitando o seu propósito com o coaching. Mas cabe ao coach entender como fazer a melhor escolha, dentro daquilo que entende como sendo o ideal para a sua jornada de empreendedorismo

Escolhendo um mentor de coaches

Segundo a mitologia por trás da figura, é o próprio mentor quem escolhe os seus pupilos ou mentorados – e no mercado de mentoria para coaches, vale muito a pena inverter esta iniciativa.

É importante que o coach entenda que são diversas as estratégias que podem levá-lo ao sucesso, e ainda precisamos colocar nesta equação os tipos de práticas que o coach está disposto a fazer para alcançar este sucesso. Vamos colocar um exemplo de um mentor cuja direção de trabalho seja baseada em fazer e postar vídeos para o YouTube.

E então nós temos alguns coaches mais destemidos, que não se importam em gravar vídeos e aparecer no YouTube, se este for o caminho do sucesso, e outros coaches mais desconfortáveis com a situação de se expor em vídeos, e para estes a situação pode se tornar insustentável como estratégia.

Outro exemplo pode ser de um mentor cujo caminho para o sucesso seja fazer contatos diretos pelo Facebook – outra prática que pode ser simples para alguns coaches e desconfortável para outros.

Existe um certo nível de desconforto em que você pode compreender como sendo um campo de desafio – e o coach precisa se dispor a estar em situações de desconforto para evoluir e crescer em sua carreira, mas esta linha não pode ser ultrapassada até um nível de completo desanimo.

Então um ponto crucial na escolha de um mentor de coaches é compreender a direção da jornada que ele propõe.

Novamente, nós temos o benefício de estarmos no auge da era digital, e as alternativas para alcançar o sucesso são muitas – basta encontrar um mentor que o coloque numa posição de desafio alinhada com suas crenças e disposição para ação.

Além disso, é claro, sempre será importante buscar referências, até mesmo além das evidências apresentadas pelo próprio mentor, entendendo realmente se existe solidez no seu discurso, e pessoas que sejam a prova do seu método.

Leia também:  Técnicas e ferramentas de coaching para melhorar o autoconhecimento

Então o mentor de coaches realmente é essencial?

O mentor de coaches é o coach que descobriu um caminho para o sucesso – e você também pode descobrir o seu caminho para ser um coach de sucesso. A vantagem de contratar um mentor, portanto, é a compra de um mapa do atalho para o sucesso, mas não significa que sem ele você não tenha chances de ter sucesso, ou até mesmo, que com este mapa você terá sucesso.

Inclusive, é bastante condenável a prática de discursos abusivos, com o tipo de abordagem que “você não terá sucesso se não seguir este método”.

Você pode sim ter sucesso na sua carreira como coach trilhando toda a jornada sozinho, a diferença é que você terá que abrir caminho, desbravando a sua carreira como o explorador que cruza uma selva inexplorada.

O caminho com o mentor de coaches é uma estrada pavimentada, onde não há chutes – você tem a direção, sabe o que fazer, e não precisa usar a mais antiga das técnicas de aprendizado: tentativa e erro.

Ainda assim o mundo é muito grande, e existem muitas possibilidades de conquistar o sucesso, inclusive trilhando a sua própria jornada de descoberta, e não há nada de errado em ser o pioneiro do seu próprio caminho, mas simplesmente pode ser que demore mais.

Assine, não perca nenhum conteúdo:

O coach iniciante precisa de um mentor?
5 - 1 voto
SistemizeCoach
Siga-me

SistemizeCoach

Uma única plataforma para gerenciar todo o processo de coaching. Com a SistemizeCoach, você não precisará de Excel, Word e Outlook para gerenciar as suas sessões.

Crie ferramentas visuais, armazene o histórico de suas sessões e tangibilize o processo com relatórios completos para o seu coachee.

CONHEÇA A PLATAFORMA
SistemizeCoach
Siga-me