Qual a importância dos valores pessoais para atingir objetivos?

Provavelmente uma das ferramentas mais exploradas e comentadas e formações e processos de coaching é a ferramenta de valores.

Aprender a lidar com seu próprio modelo de tomada de decisões é realmente um passo gigante dentro do processo de autoconhecimento e autodescoberta.

Mas será que os valores realmente representam um impacto tão grande sobre os seus objetivos?

Então neste artigo não vamos discutir a aplicação da ferramenta, mas sim o impacto do conhecimento dos valores sobre os objetivos, e como você pode usar isso a seu favor durante um processo de coaching.

Como as decisões são formadas

Você provavelmente já ouviu falar na seguinte frase, ou talvez até use ela dentro do seu processo de explicação da ferramenta de valores em um processo de coaching:

“Valores governam as nossas decisões, e é no momento de decisão que o nosso destino é traçado”

É uma frase de muito impacto, e que certamente vai prender a atenção de quem a ouvir – mas vamos entender bem o significado desta frase.

O que já é de conhecimento aberto é que todos nós temos valores, que são características marcantes e pessoais que te levam a tomar decisões – sendo elas positivas ou negativas, então à título de explicação pedagógica, não há exagero em dizer que os valores governam as nossas decisões.

Já como conhecedores da psicologia da mente, nós sabemos que existem outros fatores tão impactantes como, e que atuam paralelamente aos valores, como as crenças.

Mas o grande trunfo da frase, e do valor de conhecer os seus valores pessoais, está na importância das decisões e da nossa tomada de decisão, porque de fato são as decisões que traçam o nosso destino.

Entender os valores, em resumo, é ter um mapa de como a nossa mente funciona, e aprender a lidar com o nosso processo de decisão, que ao depender dos nossos objetivos, podem ser conflitantes.

Lidando com valores e crenças divergentes dos objetivos

Então um dos grandes trunfos de um coach em um processo de coaching que utiliza profundamente os valores é entender se algum dos valores é divergente com o objetivo do cliente, e como um agravante da situação, a possível ação de uma crença nesta mistura. Vamos pensar em um caso prático:

Leia também:  Peer coaching - Por que você coach deveria fazer?

Um coachee está em um processo de coaching para emagrecer, porém alguns de seus valores principais são a aceitação social e a estabilidade – isso pode leva-lo à não conseguir recusar os convites dos chefes ou colegas de trabalhos para o happy hour três vezes por semana.

Para este cliente, a decisão de não recusar um happy hour exercita o valor de aceitação social, pois este valor pode estar amarrado à crença de que as pessoas vão gostar dele se ele estiver presente em todos os happy hours, e ao valor de estabilidade porque existe uma crença de que seu chefe vai gostar dele e mantê-lo empregado enquanto ele for agradável ao chefe.

Percebe como as crenças se tornam potencializadores dos valores, mas puxando o cliente para uma direção contrária do seu objetivo.

Neste caso, cabe ao coach ter a sabedoria de que os valores dificilmente serão alterados – mas as crenças podem ser alteradas.

Então o foco do coach neste caso pode ser de ajudar o cliente a participar de menos happy hours e começar a fazer atividades físicas.

Assim, o coachee vai conseguir ir modificando a crença de precisar estar em todos os happy hours para uma crença fortalecedora, de firmar amizades mais intensas durante o expediente, e convidando as pessoas para um almoço eventualmente, se tornando uma pessoa mais próxima das pessoas por iniciativa dele.

Sobre a sua crença do chefe precisar gostar dele, ele pode recusar à um convite de happy hour na terça, afirmando para o chefe que ele vai para a academia cuidar da saúde para poder desenvolver bem o seu trabalho durante o dia, mas que poderá participar do happy hour da quinta-feira.

Percebe como um pequeno ajuste na crença do cliente pode fazer com que o seu valor seja satisfeito, e o objetivo seja concluído?

Leia também:  Diferenças entre DISC e MBTI

Satisfazendo valores

Ainda existe uma técnica importante que o coach pode usar com seus clientes, para que os seus valores sejam saciados sem prejuízo ao objetivo, que consiste na definição de uma ação que satisfaça aquele objetivo, com um detalhe importante: sob poder do coachee, e não de terceiros.

Então um gatilho para satisfazer o valor da aceitação social pode ser convidar um colega de trabalho para tomar um café – que gera o relacionamento, que é importante para o valor, mas sem comprometer o objetivo de saúde.

Em muitas situações, o coaching se assemelha à um jogo de quebra cabeças, onde você precisa encontrar as peças e alternativas certas, para construir a imagem que o coachee precisa, e não aquela que ele já tem, e que não gera os resultados esperados.

Isso é utilizar a ferramenta de valores de forma estratégica, não para simplesmente apurar o valor de um cliente, mas para usar este valor em seu benefício, dando ao cliente o seu manual pessoal.

Assine, não perca nenhum conteúdo:

Qual a importância dos valores pessoais para atingir objetivos?
5 - 7 votos
SistemizeCoach
Siga-me

SistemizeCoach

Uma única plataforma para gerenciar todo o processo de coaching. Com a SistemizeCoach, você não precisará de Excel, Word e Outlook para gerenciar as suas sessões.

Crie ferramentas visuais, armazene o histórico de suas sessões e tangibilize o processo com relatórios completos para o seu coachee.

CONHEÇA A PLATAFORMA
SistemizeCoach
Siga-me

Últimos posts por SistemizeCoach (exibir todos)